Novidades para 2018!

Temas do cotidiano também ganham novo enfoque e serão trabalhados dentro do currículo formal no "Cotidiano em Questão", a partir da Cultura Maker, das Ciências da Natureza e das Ciências Humanas....

Leia mais

Fortalecimento de nossos filhos e alunos para lidar com a questão do uso de drogas lícitas e ilícitas

Frente aos desafios da prevenção ao uso de drogas, o Colégio Rio Branco promove um ciclo de reflexões sobre o tema, envolvendo toda a comunidade escolar. A ação teve início no Encontro com a Direção realizado nos dias 12 e 14 de setembro, em uma conversa com os pais sobre as ações da escola e o papel dos educadores e das famílias diante do uso de drogas lícitas e ilícitas....

Leia mais
Intervenções nos conflitos e construção de valores

Intervenções nos conflitos e construção de valores

Em geral, entende-se paz como ausência de conflitos. Esses são parte integrante do desenvolvimento da autonomia moral. Assim como as consequências naturais dos conflitos devem ser experimentadas para favorecer esse processo de desenvolvimento. Conflitos naturais geram consequências próprias dos atos e ambos não devem ser evitados....

Leia mais

Família, escola e WhatsApp

O uso de tecnologias tem permitido rapidez e eficiência na comunicação com a utilização de várias mídias entre pares ou grupos. Aplicativos como o WhatsApp passam a fazer parte do dia a dia das pessoas, gerando novas possibilidades e, também, diversos desafios....

Leia mais

Falando sobre Bullying

O tema Bullying é, sem dúvida, complexo e desafiador, sendo necessária uma ampla atenção pela escola e pela família. Assim, em nosso primeiro Encontro com a Direção de 2016, realizado em 24 e 25 de fevereiro, nas unidades Granja Vianna e Higienópolis, tivemos a oportunidade de fazer uma ampla reflexão conjunta....

Leia mais

Rio Branco: presente e futuro

O Colégio Rio Branco valoriza a diversidade e, ao mesmo tempo, atua para a conquista e manutenção dos resultados acadêmicos. Os pais reforçaram a importância de assuntos da atualidade sempre serem abordados de maneira interdisciplinar. A criação de mais espaços de debates em sala de aula e o papel do professor no envolvimento dos alunos também foram aspectos destacados. Outra sugestão foi a divulgação para pais e alunos do plano de aula de maneira antecipada, favorecendo o planejamento e a atuação dos pais junto aos filhos....

Leia mais

A diversidade é um valor para o Colégio Rio Branco

A integração entre os alunos surdos e ouvintes nas mais diversas atividades desenvolvidas nas unidades Higienópolis e Granja Vianna promove um aprendizado imenso para as crianças, os educadores e as famílias. As culturas se aproximam, alunos ouvintes e seus familiares demonstram cada vez mais interesse em aprender a Língua Brasileira de Sinais (Libras), alguns alunos surdos demostraram superação ao ganhar o Prêmio Rio Branco. Esse trabalho é contínuo e evolui a cada dia....

Leia mais

A privacidade dos filhos e o cuidado dos pais

Quando pensamos sobre privacidade – nossa e de nossos filhos e alunos – somos tomados por diversas dúvidas e angústias. Estivemos reunidos, nos dias 27 e 28 de maio de 2015, nas unidades Granja Vianna e Higienópolis, para trocar ideias e reflexões sobre o tema, que é complexo, desafiador e inesgotável....

Leia mais

Atenção, estímulos e comportamento: desafios das tecnologias da informação e da comunicação

Precisamos refletir sobre aspectos positivos e negativos da realidade em que a sociedade vive, com imensas possibilidades de tecnologia, informações e estímulos, pensando em que medida a família e a escola podem contribuir para que crianças e jovens desenvolvam atitudes de criticidade e autonomia para viver nesse contexto....

Leia mais

Medicalização na Infância e na Adolescência

Para provocar o debate, assistimos ao vídeo “Medicalização da vida escolar”, do Conselho Regional de Psicologia do Rio de Janeiro. Embora seja uma mensagem angustiante, permite uma série de reflexões. Com certa dose de ironia, o vídeo fala da relação das pessoas com a doença e com o uso de medicamentos: “Ninguém sai de uma farmácia sem ter comprado, no mínimo, cinco medicamentos prescritos pelo médico, ou pelo vizinho, ou por ele mesmo. Ir à farmácia, hoje, substitui o saudoso hábito de ir ao cinema, ou ao Jardim Botânico”....

Leia mais