Concerto com Paulo Paschoal e renomados músicos da OSESP

O Espaço Rio Branco - Cultura & Reflexão apresenta:

Concerto com Paulo Paschoal &
Renomados Músicos da OSESP

camerata

Criada em 2004 pelo violinista Paulo Paschoal, a Camerata Darcos é composta por renomados músicos da Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo (Osesp) e antigos alunos do músico, sendo uma das principais ações do plano de música para os jovens instrumentistas e um referencial da música erudita no Estado.

Repertório:
- Quatro estações de Vivaldi
- Toccatta e Fuga de Bach
- 5ª sinfonia de Bethoven
- E outras músicas

Dia 24 de novembro, às 19h
Local: Colégio Rio Branco - Auditório
Av. Higienópolis, 996

Entrada: R$ 24,00
Meia Entrada: R$ 12,00
Parte da arrecadação será revertida ao Centro de Educação para Surdos Rio Branco

Garanta seu ingresso!



Paulo Paschoal

Paulo Paschoal

A história do músico Paulo Paschoal tem início com sua família, sendo sua mãe pianista, iniciou os estudos de violino com seu pai aos 4 anos de idade, mas foi a admiração e a vontade de tocar como o irmão mais velho, que o motivou a seguir em frente. Com 09 anos deu continuidade aos estudos em um conservatório musical, onde venceu vários concursos. Em sua trajetória participou de diversas Master Classes e recebeu a orientação de Dimitry Sitkovetsky e Shlomo Mintz.

Foi professor de violino do Instituto Baccarelli, que tem por objetivo a formação musical e artística de crianças e jovens de regiões carentes. O músico já tocou em orquestras como: Orquestra Sinfônica de Sorocaba, Orquestra Sinfônica de Santo André, Petrobrás Pró Música e a Sinfônica Jovem do Estado de São Paulo.

Além das orquestras gravou CDs com nomes renomados da música brasileira como: Roberto Carlos, Chico César, Leonardo, Zizi Possi entre outros. Também dividiu o palco com artistas como Ney Mato Grosso e Milton Nascimento. Possui três trabalhos solos: o primeiro apresenta as obras do compositor Niccoló Paganini, no segundo, acompanhado por um grupo de choro, interpreta as composições de Abel Ferreira e Alexandre Guerra e o terceiro é gravado com a Camerata Darcos.




Apoiadores: Revista Higienópolis, Cel.Lep, Ifesp. Realização: Colégio Rio Branco

Garanta seu ingresso