23/03/2018

Alunos se emocionam e escrevem suas cartas pessoais

Como envolver os alunos com o gênero carta pessoal? A atividade realizada pela professora de Língua Portuguesa e Redação, Fátima Rodrigues, com os alunos do 7° ano do Ensino Fundamental, de Granja Vianna, teve como objetivo mostrar a emoção e a sensibilidade que existem na elaboração de uma carta.

“Com o passar do tempo, vão surgindo outras formas de estabelecer comunicação pessoal, tanta tecnologia hoje em dia, que a distância física entre as pessoas que se comunicam não é mais um fator determinante como era no passado”, explicou a professora Fátima.

 


Os alunos escrevendo suas cartas

Durante a atividade, a professora mostrou cartas pessoais, que escreveu e recebeu ao longo de sua vida. “Foi um momento de muita emoção, pois encontrei cartas da minha mãe para minha avó, da minha mãe para minha tia, muitas lembranças. Passei toda a minha infância e juventude observando minha mãe escrever cartas para os familiares de Portugal, mês a mês, ano a ano. Nunca falhou e são cartas afetivas e de papel de seda”, contou a professora.

Os alunos ficaram admirados diante das cartas, se empenharam e se envolveram para construir e elaborar suas próprias cartas pessoais.


Algumas cartas pessoais